21 de jan de 2017

Oração do dia: 21/01

Ore pelas presidiárias brasileiras, que atualmente representam 7% dos presos no Brasil. São cerca de 38 mil detentas (segundo o Departamento Penitenciário Nacional do Ministério da Justiça) e nos últimos 15 anos a população carcerária feminina no Brasil teve um aumento de mais de 500%.

Um comentário:

  1. Olá, eu, Raquel Anderson, apresento a oração de hoje. “O Brasil tem a quarta população carcerária do mundo, com 550 mil detentos, dos quais 31 mil são mulheres, o que corresponde a 7% do total, um número que vem crescendo de forma assustadora, principalmente pelo envolvimento com tráfico de drogas. Elas sofrem com discriminação, violência e falta de assistência médica nas cadeias”. Esses são os dados do Conselho Nacional de Justiça. O crime mais comum entre elas é o tráfico de drogas e a grande maioria das mulheres foram influenciadas por seus maridos e namorados para entrarem no mundo da criminalidade. Muitas são as dificuldades vividas por essas presidiárias: assistência médica precária, falta de higiene, superlotação das celas, assédio moral e sexual. Mas a pior de todas elas é o afastamento dos filhos e da família. A solidão e a desesperança vão aos poucos alimentando a raiva e brutalizando a alma. Mas ainda há esperança! A mensagem da Bíblia é a comovente história do amoroso Pai à procura do filho perdido. O nosso Deus, cheio de amor e misericórdia, ainda chama, espera e continua chamando para nos reconciliarmos com ele. Vamos Orar? “Senhor nós cremos e temos testemunhado que a sua Palavra tem o poder de dar esperança e restaurar o propósito e a alegria na vida de todo aquele que escuta o seu chamado. Jesus entregou sua vida para que isso fosse possível. Nossa oração é que essas mulheres, encarceradas fisicamente, encontrem no seu amor a liberdade para suas almas, para que possam estar bem em toda e qualquer situação. Que elas, através da fé em Cristo, sejam verdadeiramente livres. Em nome de Jesus”. Eu, Raquel Anderson, louvo a Deus por suas orações.

    ResponderExcluir