6 de jan de 2017

Oração do dia: 06/01

Ore por Asia Bibi, cristã e mãe de cinco filhos, que está presa no Paquistão há sete anos e foi sentenciada à morte por blasfêmia. Dois funcionários públicos paquistaneses que defendiam Bibi foram assassinados.

Um comentário:

  1. Olá, aqui é a Susie Pek e apresento a oração de hoje. O Paquistão é o sexto país no mundo que mais persegue os cristãos. Leis de blasfêmia do Paquistão são frequentemente aplicadas de forma abusiva para atacar grupos minoritários, incluindo os cristãos. Por causa dos recentes ataques, uma alteração precipitada da Constituição, reintroduziu a pena de morte e a criação de tribunais militares especiais para os casos ligados ao terrorismo, cumprindo duas exigências de longa data das forças armadas. De acordo com números citados em jornais, 49 mil pessoas foram presas por meio dessa nova decisão, mas apenas 129 destes eram radicais islâmicos. A situação no Paquistão tornou-se tão restrita que até reuniões de pessoas são vistas como suspeitas e isso também afeta os cristãos. Suas reuniões de domingo ainda são possíveis, mas todas as outras reuniões estão fortemente desencorajadas. Os cristãos são tratados como cidadãos de segunda classe, mulheres e crianças cristãs são vulneráveis ao abuso sexual. Neste exato momento, há uma irmã nossa que está presa neste país. Asia Bibi, cristã e mãe de cinco filhos, está presa há sete anos e foi sentenciada à morte falsamente acusada de blasfêmia. Dois funcionários públicos paquistaneses que defenderam Bibi foram assassinados. Vamos orar por ela? “Senhor Jesus, te apresentamos a vida de nossa irmã Asia Bibi, presa no Paquistão. Senhor seja o juiz dessa causa e que toda injustiça seja desfeita no nome de Jesus. Como a igreja orava intensamente ao Senhor pela vida de Pedro em Atos 12, nós oramos pela vida de nossa irmã, para que ela saia dessa prisão e possa estar novamente com sua família. Cremos no teu poder Senhor e pedimos que a fé da Asia Bibi em ti seja fortalecida. Em nome de Jesus eu oro, amém”. Eu, Susie Pek, considero uma honra orar com você.

    ResponderExcluir