18 de set de 2015

Oração do Dia: 18/09

Milhares de crianças trabalhando subterraneamente em minas de ouro profundas por períodos de até 24 horas. Ore também pelos que transportam e esmagam sacos pesados de minério. Isso as coloca em risco de lesão por desmoronamento da mina e de causar danos à saúde por se exporem ao mercúrio, à poeira e por carregarem cargas pesadas. Quase 70 %  de aproximadamente 50 milhões de pessoas na Tanzânia vivem na pobreza.

Um comentário:

  1. Olá, aqui é Juliana Taveira e apresento a oração de hoje. “Milhares de crianças, algumas com menos de dez anos, trabalham nas minas de ouro da Tanzânia, onde correm perigo de vida, denunciou nesta quarta-feira a organização Human Rights Watch. Elas trabalham dia e noite nas minas de ouro espalhadas por todo o território da Tanzânia, o quarto maior produtor de ouro na África. Elas são mineradoras de pequena escala, cujas infâncias lhes foram roubadas. Em vez de brincarem, cavam poços profundos e instáveis onde trabalham em turnos de até 24 horas, carregando sacos pesados, cheios dos ouros que muitas pessoas compram. Todos os dias correm o risco de serem vítimas de colisões e acidentes com ferramentas. Podem também desenvolver doenças a longo prazo, devido à poeira que respiram, ao transporte de cargas e à intoxicação por exposição ao mercúrio, que ataca o sistema nervoso e que pode causar incapacidade permanente. Meninos e meninas na Tanzânia são atraídos pelas minas de ouro na esperança de uma vida melhor, mas encontram-se presos em um beco sem saída de perigo e desespero. Vamos orar? “Pai, oramos agora em favor das milhares de crianças que trabalham subterraneamente em profundas minas de ouros por períodos de até 24 horas. Oramos por aquelas que transportam e esmagam sacos pesados de minério. Traz novidade de vida para essas crianças para que elas possam viver seus sonhos e brincadeiras infantis. Oramos com fé na certeza que o Senhor já está agindo, pois oramos no nome de Jesus! Eu, Juliana Taveira, conto com suas orações.

    ResponderExcluir