5 de set de 2016

Oração do dia: 05/09

Ore por mulheres e meninas enganadas por falsas ofertas de emprego e que acabam envolvidas no tráfico sexual dentro de seus próprios países ou são mandadas para longe. Que consigam encontrar um modo de escapar dos sequestradores.

Um comentário:

  1. Olá, eu, Alyne Romeiro, apresento a oração de hoje. A falta de emprego e as dificuldades econômicas levam muitas meninas, ainda que novas, buscarem emprego para ajudarem no sustento da casa. Com o desejo de dar o melhor para seus filhos, muitas mulheres também tem ido em busca de algum trabalho que lhes possa garantir uma renda extra. Diante dessa situação, infelizmente, existem pessoas que se aproveitam do desejo legítimo de trabalhar e sustentar a família para fazer promessas de empregos certos e bem remunerados, quando na verdade, o que se esconde por detrás disso é a indústria da exploração sexual. Não são raros os grupos que se aproveitam dessa situação de pobreza que muitas mulheres e meninas enfrentam para na verdade, transforma-las em escravas sexuais. Algumas são traficadas dentro de seu próprio país, enquanto outras vão para tão longe, que perdem qualquer perspectiva de um dia poder voltar para casa. Assim como elas, suas famílias são mantidas sob ameaça, como meio de garantir que elas nunca irão fugir. Sim, é uma situação desesperadora, e é por isso que vamos orar ao nosso Deus que pode todas as coisas: “Senhor Jesus, te apresentamos a causa dessas meninas e mulheres que com o desejo de ajudarem suas famílias ou realizar um sonho, acabam por tornarem-se prisioneiras sexuais. Sabemos que o medo de que algo aconteça à suas famílias é o que muitas vezes as deixa sem reação ou coragem para buscar ajuda, mas também sabemos que o te perfeito amor lança fora todo medo. Te pedimos nessa hora Senhor, que essas meninas e mulheres consigam uma forma de escapar de seus sequestradores e que possam estar em total segurança, bem como suas famílias. Confiamos na tua resposta, pois em nome de Jesus oramos. Amém.” Eu, Alyne Romeiro, sou grata por suas orações.

    ResponderExcluir