22 de ago de 2016

Oração do dia: 22/08

           Ore por ministérios que trabalham com viúvas e lhes dão uma nova perspectiva de acordo com as verdades da Palavra de Deus, pois muitas já perderam a esperança.

Um comentário:

  1. Olá, eu Juliana Taveira, apresento a oração de hoje. “E, estando Jesus assentado defronte da arca do tesouro, observava a maneira como a multidão lançava o dinheiro na arca do tesouro; e muitos ricos deitavam muito. Vindo, porém, uma pobre viúva, deitou duas pequenas moedas, que valiam meio centavo. E, chamando os seus discípulos, disse-lhes: Em verdade vos digo que esta pobre viúva deitou mais do que todos os que deitaram na arca do tesouro; Porque todos ali deitaram do que lhes sobejava, mas esta, da sua pobreza, deitou tudo o que tinha, todo o seu sustento”. Marcos 12.41-44 . Como será que é viver na situação de ser uma mulher viúva? Deve ser muito complicado, não é mesmo? O que li a respeito, ensina-me algumas coisas sobre a vida de uma mulher viúva: dúvidas, sofrimentos, dupla jornada, duplo papel – de mãe e pai, incertezas quanto ao próprio futuro e dos filhos. E, em algum momento uma tremenda solidão, somado ao medo de recomeçar. Antigamente, a maioria das viúvas eram realmente pobres, porque não tinham o direito de trabalhar e, portanto, dependiam somente da caridade dos parentes, quando lhe morria o marido. Ainda hoje em alguns países, ser viúva é carregar um fardo muito pesado, é viver lutando pelo seu próprio sustento e o de sua família. Essas mulheres fortes, apesar de fragilizadas, precisam da cobertura de nossas orações, você aceita esse convite? Então vamos orar: “Senhor, oramos agora em favor, das viúvas que perderam toda a esperança. Age Senhor na vida daquelas que necessitam do seu consolo e direção. Dê aos ministérios que trabalham com viúvas a ousadia de sempre lutar por elas e pelos seus direitos. Que eles possam apresentar a elas uma nova perspectiva de acordo com as verdades da Palavra de Deus. Em nome de Jesus”. Eu, Juliana Taveira, conto com suas orações.

    ResponderExcluir