16 de dez de 2015

Oração do Dia: 16/12

Ore pelas cristãs que fugiram de suas comunidades ou países devido a perseguição religiosa. Ore para que encontrem grupos de cristãos que os receberão com amor. Extremistas na Índia ousadamente atacam cristãos e ameaçam matá-los e queimar suas casas se não negarem Cristo. Muitos desses cristãos não têm água limpa para beber uma vez que não têm livre acesso aos poços da comunidade.

Um comentário:

  1. Olá, aqui é a Susie Pek e apresento a oração de hoje. Em meio as forças armadas que disputam o poder, a ação de milícias e guerrilheiros ou no meio de batalhas tribais, a história da população em países marcados pelas guerras e conflitos civis, são relatos de dor, violência e desesperança. Os cristãos nestes países lutam por um direito fundamental, garantido há 60 anos pela Declaração Universal dos Direitos Humanos, que pode ser lido no artigo 18 –“ Todo homem tem direito à liberdade de pensamento, consciência e religião; este direito inclui liberdade de mudar de religião ou crença e a liberdade de manifestar essa religião ou crença, pelo ensino, pela prática, pelo culto e pela observância, isolada ou coletivamente, em público ou em particular”. Muitas igrejas tiveram seus templos destruídos e seus lideres mortos, no entanto, por meio do Espírito Santo, a verdadeira igreja de Cristo permanece viva e nossos irmãos precisam das nossas orações; então querida ouvinte, entre nesta luta e ore comigo agora: "Senhor, em meio a tanta dor e desesperança, somente Sua mensagem de amor pode trazer transformação e novidade de vida, oramos agora em favor da Tua igreja, que ela possa ser um instrumento do amor e da paz de Deus para as pessoas necessitadas e destruídas pela guerra. Oramos também por nossos irmãos que fugiram de suas comunidades ou países devido a perseguição religiosa, que eles encontrem grupos cristãos que os recebam com amor e cuidados. Que Teu Santo Espírito traga esperança em meio ao desespero, pois em nome de Jesus, oramos”. Eu, Susie Pek, considero uma honra orar com você.

    ResponderExcluir